Indira

R$ 38,00
ou 3 x R$ 12,67
. Comprar  
Autor: Hugo Monteiro Ferreira
Ilustradora: Meri

 
Indira narra a história de uma mulher que nasceu com 70 anos e, no lugar de ir envelhecendo, foi rejuvenescendo, contando histórias para crianças. No seu percurso de rejuvenescimento, Indira aprende que a liberdade é um bem muito precioso e que a vida não pode ser tolhida nem por medo, nem por opressão e nem por covardia. Indira é, antes de tudo, uma mulher de muita coragem.

 
ISBN: 978-85-7671-310-4
Nº páginas: 32
Formato: 17x25 cm
Idade: 8 a 10 anos
Coleção: 
 

ATIVIDADES SUGERIDAS
 
Temas abordadosdiferença, tolerância, persistência, respeito, autoconhecimento, afeto.
 
- Indira nasce com 70 anos , “vinda do meio da floresta, filha do sol e do vento, envolta em fumaças coloridas...”, e vai rejuvenescendo. Por que o autor trouxe a personagem principal com estas características?
- As Crianças da Aldeia gostavam de ouvir as histórias de Indira. Descubra quais os livros e histórias que os alunos gostam de ler.
- Alguns personagens deste livro (Indira, Homens Fortes, Mulheres Iguais, Pessoas Perfeitas...), são a personificação de alguns segmentos da sociedade. Seria interessante listar os personagens, suas características e quem eles representam.
- O professor pode realizar um debate interessante sobre o convívio social, tolerância, respeito. Quais os seguimentos da sociedade são discriminados, hostilizados e marginalizados?
- Outros personagens deste livro são a personificação dos sentimentos e desafios de Indira (o Medo, a Sorte, o Cansaço...). Pergunte aos alunos quais destes sentimentos ou situações eles já vivenciaram.
 -Durante toda a narrativa, Indira é corajosa e persistente, e enfrenta seus medos, monstros, cansaços... Essa busca a leva a um autoconhecimento que consequentemente a faz mudar e por fim, enfrentar as situações que se apresentam. Converse com os alunos sobre isso. Como conhecer a nós mesmos e respeitar as diferenças pode nos ajudar a construir um mundo melhor?
- Incentive os alunos a comentarem a frase de Indira. “Quando a gente se respeita, o respeito dos outros nos é obrigatório.”
-Vendo-me no espelho: autorretrato
Professor, após o diálogo, leve para sala de aula um espelho, e solicite que cada aluno vá até ele e se observe: formato do rosto, tipo de cabelo, cor da pele, dentre outras. Depois, conte-lhes que vamos fazer um autorretrato. Explique-lhes que não precisa ficar idêntico, mas temos que buscar aproximar com as nossas principais características. Se for necessário, mostre-lhes alguns autorretratos, realizados por outras crianças. Veja a sugestão a seguir. 
- Entregue uma folha de papel para cada aluno e solicite que desenhe seu autorretrato, solicite que coloque todas as características que achar importante.
- Peça que cada aluno se apresente para o grupo mostrando seu autorretrato. Depois monte com eles um painel, no pátio da escola, com o título da música que irá trabalhar: “DIFERENTES”. Se quiser enriquecer, solicite fotos dos alunos e coloque-as no painel.
• Prazo para postagem:
Veja também